Fotografia: Paula Brandão/ Texto: Leticia Brandão

Formada em desenho industrial, a Fernanda se engajou mesmo com a moda. Na época da faculdade começou a trabalhar na Daslu Teen como vendedora, passou para gerente e depois para a produção. Ficou por lá durante 8 anos e depois resolveu sair para montar sua própria loja de moda infantil. Neste mesmo ano engravidou  do primeiro filho, o Frederico, hoje com 6 anos.
A loja foi crescendo e a família também. Logo depois vieram o Joaquim (5) e a Olivia (2) e a designer passou a se dividir entre o trabalho e as funções de mãe e esposa.
Com 3 filhos a missão começou a exigir mais tempo, então logo depois do nascimento da Olivia, Fernanda tomou a decisão de apenas curtir os filhos e  fase gostosa das crianças. Saiu da sociedade da loja e por 2 anos aproveitou bastante a família, “2 anos que pareceram 10, de tanta coisa realizada!”
Até que, no início deste ano, sua irmã Lelê a convidou para ser sócia na marca E-Mini. É uma loja conceito, voltada para o universo infantil, que traz inspiração para o dia a dia dos pais contemporâneos, levando a escolhas para um estilo de vida simples, consciente e criativo, oferecendo uma seleção incrível de roupas, acessórios, enxoval, livros, brinquedos e objetos de decoração para crianças de até 4 anos.  Continuar lendo...

POR QUE RESOLVEU ENTRAR PARA O E-MINI?
Fiquei muito feliz quando a Lelê me convidou para virar sócia no E-Mini. Ponderei bastante e pensei em tudo o que poderia acontecer entre a gente. Mas percebi que tudo tinha tão a ver comigo… e já tinha acompanhado cada detalhe do site, desde a criação!  Foi assim que acabei voltando para o mercado infantil, dessa vez com ainda mais experiência, tanto profissional quanto como mãe.

COMO ANALISAM O MERCADO BRASILEIRO COM RELAÇÃO A PRODUTOS INFANTIS?
Mesmo com as limitações de estrutura produtiva e custos altos, existem muitas marcas surgindo no mercado. Além disso, estamos seguindo uma tendência internacional, em que grandes marcas de adultos lançam suas próprias linhas infantis. O mercado brasileiro tem pessoas criativas e marcas muito bacanas já consolidadas – como a Mercatore, que existe desde 1980 e a Tip Toey Joey, que é mais recente, porém super conceituada no Brasil e internacionalmente. Para o E-Mini o surgimento de novas marcas é bastante positivo, pois podemos oferecer uma seleção cada vez mais abrangente dos produtos que achamos mais legais.

COMO É TRABALHAR ENTRE IRMÃS?
Sou a filha mais velha de 3 irmãs! Sempre fomos muito próximas e até hoje mantemos uma relação de muita confiança. Sempre acompanhamos a vida profissional uma da outra. Sabe como é, palpite de irmã vem até sem ser pedido…rs. Dessa vez é diferente, mas nos conhecemos muito bem e sabemos como lidar com as características de cada uma. Eu costumo dizer que, antes mesmo do E-Mini, já éramos sócias dos nossos maiores tesouros, a Lelê é madrinha do Frederico e eu sou madrinha da filha dela, Luisa!

O QUE É SER UMA MOM ROCK PARA VOCÊ?
Acredito que a Mom Rock é aquela que está sempre em busca do equilibrio entre estar presente na vida dos filhos e cuidar de si mesma.

AGORA QUE AS CRIANÇAS ESTÃO NUMA FASE MAIS INDEPENDENTE, COMO VOCÊ ANALISA SUA FASE ATUAL COMO MÃE?
Acho que o envolvimento físico foi diminuindo. Com o passar dos anos eles ficam realmente mais independentes e não precisam da gente pra tomar banho, se trocar ou pegar um jogo na estante por exemplo. Com isso consigo mais tempo pra mim, faço yoga mais vezes, ou consigo trabalhar por algumas horas direto.
Mas nosso tempo juntos continua extenso, pois estou com eles quando não estão na escola. São fases diferentes, hoje acaba sendo pra uma boa conversa ou brincadeiras em família.
No ano passado ensaiei começar uma produção de fantasias infantis e acessórios de cabelo…. e angariei uma maquina de costura.  Aprendi a fazer a primeira sainha para a Olivia com uma amiga minha e a mãe dela, fiquei muito orgulhosa! Enfim, descobri um hobby delicioso e me realizo fazendo combinações de cores e descobrindo tecidos!

AS CRIANÇAS JÁ ESTÃO COM UMA IDADE NA QUAL CADA UM JÁ TEM SUA PRÓPRIA PERSONALIDADE, COMO VOCÊ LIDA COM AS DIFERENÇAS DE CADA UM?
Quando o Joaquim nasceu procurei o pediatra preocupada porque o coto umbilical dele ainda não tinha caido com 14 dias, e o do Frederico caiu com 7dias.
O Dr. Paulo logo disse: “Fernanda, vou te falar uma coisa para você levar para o resto da sua vida: nunca compare seus filhos. Cada um é diferente do outro”. Não é fácil, mas tento não compará-los… Os valores são os mesmos mas a forma de passá-los as vezes precisa ser diferente. Mais direta com um, mais lúdica com outro….

O QUE ACHA INDISPENSÁVEL NA EDUCAÇÃO DOS FILHOS?
Muito amor e carinho, que é natural… Mas também muita paciência para transmitir e ensinar os valores que achamos importantes.

O E-MINI PREZA POR UM ESTILO DE VIDA SIMPLES, CONSCIENTE E CRIATIVO, ISSO SE REFLETE EM CASA? COMO PASSA ESTE IDEAL PARA AS CRIANÇAS?
Sem duvida esse é o nosso estilo de vida. Tento ser mais prática e simplificar as coisas a cada dia. Mostrar a realidade mas sem deixar de fantasiar e sonhar.

QUAL O SEU MAIOR APRENDIZADO NA VIDA EM FAMÍLIA?
Pra mim, desde que as crianças nasceram, percebi que ter um dia a dia programado é muito importante e bem-vindo, mas percebi também que temos que estar preparados para o improviso.

VOCÊ QUEM DECOROU SUA CASA. ESTE IDEAL TAMBÉM INTERFERIU NA DECORAÇÃO?
Sim, gosto das crianças usando todo o espaço da casa. Desde pequenos eles sabem respeitar o que é “decoração da mamãe”. Mas fazemos cabaninha no meio dos sofás, e até rola um gol a gol na sala de estar!

QUAL O CANTINHO DA CASA PREFERIDO DA FAMILIA?
Temos vários! Depende da hora. Ficamos bastante na varanda, pois apesar de ser apartamento, tem muito verde e dá a sensação de estarmos numa casa. No momento relax por exemplo, vamos todos pro sofá assistir algum filme e comer pipoca, as crianças adoram! Enquanto eu fico no computador ou na maquina de costura, eles jogam futebol na sala. E assim vai…

AS CRIANÇAS  GOSTAM MUITO DE BICHOS E MAPA MUNDI, DE ONDE VEIO ESTE INTERESSE?
Quando eu estava grávida do Frederico, o Mauricio trouxe uma coleção de bichos que ele comprou na FAO. Colocamos no quarto dele e desde bebezinho íamos mostrando e contando a historia de cada um. Com 1 ano e 7 meses ele falava o nome de bichos como urso polar, onça pintada… Era um sarro!
Até hoje, a cada viagem que alguém da minha família faz, ele ganha um novo bicho para coleção. Todos se envolveram nessa diversão. Adoramos fazer uma fila com os bichos e damos a volta na casa toda!
Gostamos muito de viajar (quem nao gosta?) e sempre que eu e o Mauricio vamos pra algum lugar, mencionamos de uma forma lúdica pra eles se interessarem. Trazemos brinquedos educativos quando dá, por exemplo, quando fomos a Londres trouxemos o quebra-cabeça dos transportes de lá. Também já trouxemos um livro de mapas com costumes do mundo todo… Isso faz com que eles conheçam um pouco das outras culturas.

CRÉDITOS
. foto 05 - Caixa mágica de perguntas para as crianças, do autor Paulo Tadeu – Matrix Editora. Pode ser encontrado na Livraria Cultura
. foto 12 – Frederico veste camiseta lobo da Soft Galery  - no E-Mini
Joaquim veste camiseta estrelas da Soft Gallery - no E-Mini , calça de moletom Zara
Olivia veste bata rosa comprada no Marrocos, saia de tule  E-Mini
. foto 14 – luminária casinha – E-Mini
. foto 21 – Ilustração Girafa – artista Juliana Brandão
. foto 25 – Pôster Cabide – Caixa Filosofal,  no E-Mini
. foto 29 – Luminária Robô - E-Mini
. foto 31 – Tela Times Square – artista Maramgoní
. foto 32 – Sofazão – Micasa
. foto 33 – Kit cozinha de madeira – Fábrica de Idéias
. foto 37 – Ilustração Casa – artista Juliana Brandão
. foto 38 – Vestido de tule rosa comprado na Austrália
. foto 40 – Luminária Coelho - E-Mini
. foto 41 – Adesivo mapa Mundi – I-Stick
Olivia veste moletom coelho Soft Gallery, legging Que Te Encante, saia de tule e laço de cabelo – tudo no E-Mini